terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

"A quem pertences?"

Agora que já nos conhecem, sabem quem somos e o que nos move, importa falar de quem nos acolheu e ajudou a tornar possível este projecto - a Cooperativa Transa, que celebrou este mês o seu 3º ano de vida.

O Centro Cultural e Regional de Vila Real
O escritório da Cooperativa (e também o nosso) é no edifício do Centro Cultural, que é também ele uma Cooperativa e que teve o seu início num Encontro de Jogos Populares. Está aqui sediado desde o início dos anos 80.
Para nós, estar aqui, é:
- poder usufruir deste edifício com tanta história (embora pouco saibamos sobre ela);
- partilhar o espaço com os alunos da Universidade Sénior, promovendo trocas de saberes e experiências;
- passear, brincar e sentir este jardim magnífico;
- contribuir para o objetivo comum a todos os que aqui estão: cuidar deste espaço.




O que é uma Cooperativa?
A Sofia explica muito bem aqui e também aqui o que é uma cooperativa e as vantagens de se trabalhar desta forma colaborativa.

Antes de pertencermos à Transa enquanto colaboradoras, não pensávamos muito nisto e no que seria trabalhar desta forma. Agora, e passados estes quase 6 meses, achamos que chegou a altura de falarmos do que é para nós uma cooperativa e trabalho cooperativo.
E para nós há muito mais que 6 razões para querermos continuar a trabalhar em Co-Work! ;)

Partilhar um escritório e trocar ideias que surgem no momento é potenciar tudo o que fazemos, tornando-o mais consistente e coerente. É unir sinergias para objetivos que são (ou se tornam) comuns. É poder recorrer a vários e diferentes "serviços", sem termos de os procurar (pois estão ali!).
É o caso da nossa imagem gráfica. É feita internamente, pela Sofia <3.

Trabalho em Parceria
Sempre gostamos de trabalhar em parceria e fizémo-lo por várias vezes em projetos anteriores. Mas agora, a palavra parceria ganhou outro peso e sentimos que cada vez mais nos faz sentido e que gostamos de trabalhar assim. Uma ideia que surge, cresce muito mais rápido e forte quando não estamos sozinhos.

Assim foi com a proposta que apresentamos para as férias da Páscoa. Havia uma ideia do que queríamos fazer, mas ao discuti-la com a Catarina Lima (cooperante da Transa), esta ideia ganhou forma e estrutura e muitas outras ideias surgiram. E vamos pô-las todas em prática de 26 de março a 6 de abril, no edifício do ActiveGym.


O mesmo aconteceu com os eventos "Ao Domingo no Jardim". Surgiram de conversas de escritório com a Sofia e estão a dar-nos imenso gozo a preparar! Mas sobre eles falaremos em breve.
Podem seguir como vai ser o primeiro - Chá de Primavera - aqui.

Em final de mês de aniversário da Cooperativa Transa, aqui ficam os nossos parabéns pelos 3 anos de dedicação. E um obrigada por nos deixarem fazer parte de tudo isto!
Nós queremos (e vamos) continuar a brincar por aqui!! ;)




sábado, 3 de fevereiro de 2018

#2 Brincamos?

Nesta rubrica mensal, daremos sugestões de brincadeiras simples que podem fazer em casa. Porque é Simples Brincar!! ;)


Brincadeiras de Bebés

1. Arroz Colorido
- O que precisa:
Arroz fora de prazo
Corantes alimentares
Sacos de plástico
Papel absorvente
- Materiais para Brincar:
Recipiente grande
Utensílios de cozinha como funis, colheres grandes e copos

- Passo a Passo:
Dividir o arroz por tantos sacos quanto as cores que se quer fazer;
Colocar umas gotas de corante alimentar diferente em cada saco;
Fechar o saco e envolver o arroz no corante, até ficar todo pintado;
Retirar do saco e deixar secar, bem espalhado, em papel absorvente.

- Depois de bem seco, colocar num recipiente grade, juntar copos, funis, tubos, colheres grandes... e encher, transferir, sentir, esfregar, esconder, Brincar! ;)

- Dicas:
Corante em gel, faz cores mais vivas;
Colocar uma manta grande na zona onde vão brincar, torna a arrumação mais fácil;
Esconder brinquedos pequenos para as crianças procurarem, é também muito divertido;
No final, pode colocar o arroz numa garrafinha de água vazia e fica com uma maraca.

2. Túneis para bolas

- O que precisa:
Rolos de papel higiénico
Fita cola de papel larga ou cola Bostik
- Materiais para Brincar:
Bolas pequenas que passem com facilidade nos rolos

- Passo a Passo:
Distribua os rolos pela parede, colando com a fita ou com o bostik e fazendo um percurso, ou vários percursos.

- Depois é só Brincar!

- Dicas:
Use diferentes rolos (de papel de cozinha, por exemplo) e torne os percursos mais interessantes e elaborados;
Coloque um recipiente no chão, onde a bola cai, evitando andar pelo chão atrás dela;
Pode tornar esta brincadeira mais permanente, colando os rolos com cola quente, a uma placa de cartão.


Academia de Ciências

1. Slime (ou pega-monstros)

- O que precisa:
Cola liquida
Borato de sódio (à venda na farmácia)
Água morna
Corante Alimentar (opcional)
Brilhantes e/ou purpurinas (opcional)
2 copos
1 colher de sopa
1 espátula de madeira/pauzinho de gelado

- Passo a Passo:
Encha um dos copos de água e dissolva 1 colher de sopa de borato de sódio;
No outro copo, deite a cola (aproximadamente meio copo);
Junte umas gotas de corante e algumas purpurinas à cola;
Adicione lentamente a solução de borato de sódio, mexendo sempre;
Assim que sentir resistência e uma massa se formar à volta da espátula, o seu pega-monstros está pronto.

- Depois é só Brincar!

- Dicas:
Quanto mais solução adicionar, menos elástico ficará o slime e mais duro e com consistência de bola pinchona ficará;
Pode adicionar diferentes brilhantes, ficando com texturas diferentes;
Se adicionar bolinhas de esferovite à cola, fica com um slime-floam.


 2. Neve de faz de conta

- O que precisa:
250g de bicarbonato de sódio (à venda nos supermercados)
2 colheres de sopa de sal fino
1 colher de café de detergente da loiça
4 colheres de sopa de água
bacia

- Passo a Passo:
Misturar bem o bicarbonato e o sal;
Acrescentar o detergente e voltar a mexer bem;
Juntar a água aos poucos e amassar até ficar com consistência moldável.

- Depois é só Brincar!

- Dicas:
Com tampinhas, olhinhos e pauzinhos, podem fazer bonecos de neve;
Com um conta-gotas ou pipeta com vinagre, podem ir deitando aos poucos em cima do bonequinho e divertir-se a vê-lo derreter!

Quem somos

A Casa do Brincar tem portas abertas para a rua e o horizonte a ver-se da janela. Tem risos, confusão, balbúrdia, imaginação e muito, muito...